Ator Caio Junqueira morre aos 42 anos no Rio de Janeiro

Ele estava internado deste o dia 16 de janeiro no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, após sofrer um grave acidente de carro

Morreu na madrugada desta quarta-feira (23), aos 42 anos, o ator Caio Junqueira. Ele estava internado deste o dia 16 de janeiro no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, no Rio de Janeiro, após sofrer um grave acidente de carro. A notícia foi confirmada pela Record TV.

Nascido no Rio de Janeiro, Caio é filho de Fábio Junqueira (1956 – 2008) e meio-irmão de Jonas Torres, ambos também atores.

A estreia de Caio Junqueira na TV se deu no humorístico Tamanho Família, exibido pela extinta TV Manchete, em 1985. O programa foi inspirado nas séries A Família Trapo (1967-1971), da Record TV, e A Grande Família (1972-1975), da Rede Globo

Já no fim da década de 1980, o ator foi para a TV Globo, onde lá participou de uma extensa lista de novelas, entre elas, O Clone (2001), O Quinto dos Infernos (2002), Paraíso Tropical (2007).

Na Record TV, ganhou destaque ao integrar o remake da novela A Escrava Isaura (2004), na qual interpretou o abolicionista Geraldo, melhor amigo do protagonista e que tentava salvar das visões racistas a mimada Malvina. Na mesma emissora, foi escalado para a série A Lei e o Crime (2009), os folhetins Ribeirão do Tempo (2010), José do Egito (2013), Milagres de Jesus (2014).

No cinema, o ator fez Neto, um policial do Batalhão de Operações Especiais (Bope), no primeiro filme de Tropa de Elite (2007).

E o trabalho mais recente de Caio Junqueira foi na série O Mecanismo, da Netflix, de 2018.

 

– RADAR 24 HORAS – Informações de: Redação TN

Adicione o WhatsApp do RADAR 24 HORAS – (73) 9 8844 5573
Você poderá enviar vídeos, fotos ou informações. A sua informação é importante pra nós, grave ou registre imagens com o seu celular (preferência tela deitada “horizontal”), deixe sua sugestão! Você Repórter
______________PUBLICIDADE_______________

Vinhetas e produções com a qualidade que você e a sua empresa precisa e merece.

Comente esta matéria!

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

                           Maiores informações ligue:

                        (73) 9 9912 7744 – Railson Alves

                     (73) 9 9902 8877 – Aloísio Coutinho